Assintecal

Programa criado pela Associação Brasileira das Indústrias da Calçados (Abicalçados) e pela Associação Brasileira de Empresas de Componentes de Couros, Calçados e Artefatos (Assintecal) têm como objetivo realizar uma análise da empresa, desde a aquisição da matéria prima até a entrega do produto final, destacando a verificação de variáveis, tais como: gasto de energia, nível de poluição, consumo de água, descarte de resíduos, atendimento à legislação trabalhista, etc. O Programa avalia o grau de comprometimento das empresas do setor coureiro calçadista com a sustentabilidade, com base em 50 diferentes critérios, agrupados em 4 pilares: cultural, ambiental, social e econômico.

Certificação de Fornecedores – ABVTEX

www.abvtex.org.br

Selo de Qualidade ABEOC

www.abeoc.org.br/qualidade

Selo Qual (ABIT)

www.seloqual.com.br/selo-qual

Gestão Empresarial para Serviços Notariais de Registro – ABNT NBR 15906

Estabelece requisitos de Sistema de Gestão Empresarial para demonstrar capacidade dos serviços notariais e de registro de gerir seus processos com qualidade, de forma a satisfazer as partes interessadas, atender aos requisitos legais, elementos de gestão socioambiental, saúde e segurança ocupacional, visando a excelência nos serviços.

Certificação de Serviços de Pesquisa Social, de Opinião e de Mercado ABNT NBR 20252

Estabelece requisitos de serviço para organizações e profissionais que conduzem pesquisas de mercado, pesquisas de opinião e pesquisas sociais Esta certificação visa assegurar que os elementos nos processos de pesquisa sejam conduzidos segundo um padrão apropriado e de uma forma consistente e passível de verificação. Isso permite que os dados obtidos de estudos de pesquisa conduzidos segundo esta norma sejam utilizados para orientar o fornecimento de produtos e serviços a cidadãos e instituições de forma consistente e transparente.

Acessibilidade ABNT NBR 9050

Estabelece critérios e parâmetros técnicos a serem observados quando do projeto, construção, instalação e adaptação de edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos às condições de acessibilidade. Visa proporcionar à maior quantidade possível de pessoas, independente de idade, estatura ou limitação de mobilidade ou percepção, a utilização de maneira autônoma e segura do ambiente, edificações, mobiliário, equipamentos urbanos e elementos. Todos os espaços, edificações, mobiliário e equipamentos urbanos que vierem a ser projetados, construídos, montados ou implantados, bem como as reformas e ampliações de edificações e equipamentos urbanos, devem atender ao disposto na norma ABNT NBR 9050 para serem considerados acessíveis. 

Sistema de Gestão para Sustentabilidade de Eventos ABNT NBR ISO 20121

Eventos são algumas vezes, por sua natureza, de grande visibilidade e passageiros, com impactos sociais, econômicos e ambientais positivos e negativos. A certificação do Sistema de gestão para sustentabilidade de eventos auxilia as organizações e os indivíduos a melhorar a sustentabilidade de suas atividades relacionadas a eventos. Esta certificação especifica os requisitos de um sistema de gestão para sustentabilidade de eventos, afim de melhorar a sustentabilidade de eventos. É aplicável a todos os tipos e tamanhos de organizações envolvidas no projeto e execução de eventos e acomoda diferentes condições geográficas, culturais e sociais. Ao mesmo tempo, ela requer que as organizações reconheçam a sua relação e o impacto sobre a sociedade, e as expectativas da sociedade com os eventos.
Permite à organização a flexibilidade de ser mais criativa sobre a execução de atividades relacionadas a eventos sem prejudicar a finalidade do evento.

 

Programa de Certificação de Lojas de Material de Construção – ABNT/ANAMACO

Loja Certificada

 A Anamaco e a ABNT elaboraram um projeto de certificação para as lojas de material de construção de todo o país com o objetivo de incentivar essas empresas a introduzirem ferramentas de gestão para garantir a qualidade dos serviços prestados, a satisfação dos clientes e a segurança dos funcionários.

O projeto foi desenvolvido com base na norma ABNT NBR 15842:2000 e em requisitos regulamentares e estatutários aplicáveis à atividade e oferece uma avaliação independente da ABNT com indicações sobre os pontos fortes e fracos observados no programa. 

Saiba  mais: http://novo.anamaco.com.br/rodape-interna.aspx?id=6

Solicite uma Proposta. Baixe o formulário e envie para o e-mail: kathia.stevanato@abnt.org.br

Clique para baixar.

 

Programa ABR - Algodão Brasileiro Responsável

Lançado pela Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) no final de 2012, o programa Algodão Brasileiro Responsável (ABR) é fruto do pioneirismo do Instituto Algodão Social (IAS), que criou o Selo "Algodão Socialmente Correto", em parceria com a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), em 2007, comprovando o respeito às normas trabalhistas e ambientais na produção da fibra em Mato Grosso. 

Em 2009, a Abrapa levou essa experiência pioneira aos demais estados produtores de algodão por meio do Programa Socioambiental da Produção de Algodão (Psoal).

Financiado com recursos do Instituto Brasileiro do Algodão (IBA), o programa ABR representa a síntese da união dos cotonicultores brasileiros em prol de uma melhor produção em todo País, já que une os protocolos dos programas do IAS e do Psoal numa única regra de certificação, que passou a valer a partir da safra 2012/13.

A adesão a esse tipo de programa é voluntária e representa um avanço na consolidação da cotonicultura em Mato Grosso e nos demais estados produtores de algodão do Brasil, assegurando a posição do País entre os cinco maiores players do mercado mundial da pluma.

A ABNT participa como Organismo de Certificação no Programa Algodão Brasileiro Responsável – ABR, e na Safra 2014 /2015 auditou e certificou 204 fazendas, sendo: 

Mato Grosso  163
Bahia 36
Maranhão  2
Mato Grosso do Sul 3

 

Confira aqui as fazendas certificadas.

 

end faq