Cadernos, canetas, lápis, embalagens de cola, lancheiras, uniformes e até os móveis escolares devem seguir normas definidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para oferecer segurança às crianças.

Ouça aqui.