O Brasil ocupa o 10º lugar no ranking da Associação Internacional de Congresso e Convenções – ICCA (do inglês, International Congress and Convention Association) de 2014. Este dado demonstra a importância de os critérios de sustentabilidade serem abordados nas contratações de serviços e produtos para eventos.

Este é o tema da recente publicação desenvolvida pelo Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVces) da Fundação Getúlio Vargas (FGV - EAESP), em parceria do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e o Ministério do Meio Ambiente (MMA), de título: Compras sustentáveis & grandes eventos. A avaliação do ciclo de vida como ferramenta para decisões de consumo.

Na publicação se ressalta o Rótulo Ecológico da ABNT como o principal padrão para eventos sustentáveis no Brasil:

“O Rótulo Ecológico para Eventos Sustentáveis da ABNT foi escolhido como o principal padrão por apresentar o conteúdo mais próximo à realidade dos eventos organizados e sediados no território nacional. Por se tratar de uma ferramenta de autorregulação, acredita-se que exista um potencial para que se torne uma prática amplamente difundida no mercado e, quem sabe, uma inspiração para redação de políticas públicas”.

Acesse a publicação através do link:

http://www.gvces.com.br/livro-compras-sustentaveis-grandes-eventos-a-avaliacao-do-ciclo-de-vida-como-ferramenta-para-decisoes-de-consumo?locale=pt-br