O Designer de Interiores tem por competência profissional elaborar os projetos dos espaços coerentemente, baseando-se em princípios das normas técnicas de ergonomia, propiciando ao ser humano o bem-estar necessário para as atividades que serão exercidas num determinado local, seja ele um ambiente de trabalho ou até mesmo uma área de descanso e lazer. Em seus projetos são seguidas também normas técnicas de acústica, isolantes térmicos, iluminação e acessibilidade.

A ABNT, por meio de seus comitês, desenvolve normas técnicas que contribuem para os diversos aspectos do trabalho do Designer de Interiores.

Saiba mais acessando nosso site www.abnt.org.br

Parabéns aos profissionais do setor!