A ABNT, o Sindicato da Indústria de Mineração de Pedra Britada do Estado de São Paulo (Sindipedras) e o Sindicato das Indústrias de Mineração de Areia do Estado de São Paulo (Sindareia) elaboraram um Programa de Avaliação do Limite Legal de Peso (Movimento “Responsabilidade de Peso”), cujo objetivo é estimular e impulsionar de maneira contínua a melhoria da qualidade das operações de seus associados.

Esse Programa é aplicável às empresas que pretendem melhorar sua eficiência, eficácia e reputação no mercado de agregados, através da implantação de um Sistema de Gestão dos Serviços de Avaliação do Limite Legal Peso. Os requisitos do Sistema de Gestão foram selecionados dentre aqueles que efetivamente são aplicaveis ao segmento, e as empresas que desejarem trabalhar de acordo com o programa deverão atender aos requisitos estabelecidos em procedimento específico.

O objetivo das empresas associadas ao Sindipedras/Sindareia é implantar um programa especifico voltado para atendimento das condições de carregamento de veículos, de forma a mostrar ao mercado idoneidade e confiabilidade de suas operações comerciais, particularmente da precisão da quantificação dos produtos adquiridos pelos clientes. Como consequência dessa avaliação do mercado, também terão o reconhecimento do posicionamento ético e transparente dos produtores perante a sociedade, incorporando com isso um imenso valor de reputação ao setor de agregados.

A Avaliação com base neste programa é uma forma de reconhecer os associados que estão alinhados com este objetivo e, além disso, demonstrar que estas organizações têm um diferencial competitivo no mercado.

Em encontro realizado no dia 21 de agosto, com os representantes de cada entidade, foi entregue o primeiro certificado de conformidade de serviço para a empresa Embu S.A. Engenharia e Comércio, para os serviços “Controle do limite legal de peso”.

 

 

Luiz Eulálio Moraes Terra, diretor do grupo Embu S.A recebe o certificado de Mario William Esper, vice-presidente e presidente eleito da ABNT.